MIU

O Movimento Indígena unificado (MIU) não é, nem pretende ser, uma organização indígena uma vez que acreditamos na importancia das organizações indigenas já existentes. O MIU na realidade é um ato público que visa apresentar a sociedade a união dos povos indigenas, por meio de todos os seus representantes (caciques, pajés, organizações, conselhos, profissionais indigenas, artesãos, tuxauas…), em busca de uma saúde indígena mais humanizada.

Entendemos que por muitos anos o País tem criado iniciativas a fim de beneficiar a saúde dos povos indigenas contudo ao contemplar a nossa realidade percebemos que muito falta de ações efetivas e de grande participação dos nossos povos.

Por não compreenderem a cultura e não ouvirem atentamente a voz da floresta muitos dos que lidaram/lidam com as questões/recursos indigenas constituiram ações meramente focadas em números e não no ser humano e assim muitos foram os desperdícios e a falta de efetividade que resultaram em ínfimas melhorias para as nossas comunidades.

Assim, para que as ações relaciodas aos povos indigenas venham a trazer reais benefícios ao nosso povo o MIU vem unindo e reunindo lideranças e usuários do subsistema de saúde indígena a fim de propor ações focadas nas reais necessidades (vivenciadas e faladas) de acordo com o olhar de nossos comunidades; e isto, só poderá ocorrer se nós (indigenas) e nossos parceiros criemos mecanismos para que a voz de nossas bases seja ouvida por todos os cantos, nem que para isto seja preciso irmos de samaúma em samaúma a ecoar o nosso cantico em defesa da vida!

Compõem o MIU:

  1. Comunidade Indígena (Caciques, pajés, parteiras, professores, AIS’s, AISAN’s, AAF’s… – indígenas aldeiados ou não
  2. AKARIB – Associação Agroextrativista Kaxinawá do Rio Breu
  3. AAPBI – Associação Agroextrativista Poyanawa do Barão e Ipiranga
  4. ACOSMA – Associação Comunitária Shanenawá 
  5. ACSM – Associação Comunitária Shanenawa de Morada Nova
  6. APAMINKTAJ  – Assoc. das Prod. de Artesanatos das Mulheres Ind. Kaxinawá de Tarauacá e Jordão 
  7. OCIK – Associação das Comunidades Indígenas Kaxarari 
  8. YWINAWA – “Associação Indígena Apurinã da Aldeia Nova Fronteira”
  9. APKANF – Associação de Produtores Kaxinawa da Aldeia Nova Fronteira
  10. AIA – Associação dos indígena Arara
  11. APITICAM – Associação dos Povos Indígenas da Terra Indígena Camicuã
  12. ASPIRH  – Associação dos Povos Indígenas do Rio Humaitá 
  13. APAHC  – Associação dos Produtores e Agroextrativista Hunikui do Caucho 
  14. ASPCKPC  – Associação dos Produtores e Criadores Kaxinawá da Praia do Carapanã 
  15. APROINV  – Associação dos Produtores Indígenas de Nova Vida 
  16. APROKAP – Associação dos Produtores Kaxinawa da Aldeia Paroá
  17. ASKARJ – Associação dos Seringueiros Kaxinawá do Rio Jordão
  18. AIN – Associação Indígena Nukini
  19. AJJAIP – Associação Jaminawa e Jaminawa – Arara da Terra Indígena Jaminawa do Igarapé Preto 
  20. AKAC – Associação Katukina de Campinas
  21. AKAF – Associação Kaxinawa da Aldeia Formoso
  22. AVNF  – Associação Vida Nova na Floresta
  23. Centro Yura Bakanay Bai
  24. Comissão de Articulação e Fortalecimento do Movimento Indigena do Acre, Sul do Amazonas e Noroeste de Rondônia
  25. FEPHAC – Federação dos Povos Hunikuî do Acre
  26. MAPKAHA – Manxineryne Ptohi Kajpaha Hajene 
  27. OCAEJ – Organização Agroextrativista das Comunidades Jaminawa
  28. SITOAKORE – Organização das Mulheres Indígenas do Acre, Sul do Amazonas e Noroeste de Rondônia 
  29. OAEYRG  – Organização de Agricultores e Extrativistas Yawanawa do Rio Gregório 
  30. Organização do Povo Manchineri do Rio Iaco 
  31. OAKAT27 – Organização dos Agricultores Kaxinawa da Terra Indígena Colônia 27
  32. OPIAJBAM  – Organização dos povos Indígenas Apurinã e Jamamadi de Boca do Acre –AM
  33. OPIHARP – Organização dos Povos Indígenas do Alto Rio Purus
  34. OPIRE – Organização dos Povos Indigenas do Rio Envira
  35. OPIRJ – Organização dos Povos Indígenas do Rio Juruá
  36. OPITAR – Organização dos Povos Indígenas do Rio Tarauacá
  37. OPITARJ  – Organização dos Povos Indígenas de Tarauacá e Rio Jordão 
  38. OPIAC  – Organização dos Professores Indígenas do Acre 
  39. OPIAJ – Organização Povos Indígenas Apurina e Jamamadi 
Anúncios